Topo
Prefeitura Municipal de Quixadá
TAMANHO DA FONTE: A+ A A-
Contraste

Notícias

Farmácia Popular encerra atividades em Quixadá e no Brasil por determinação do Ministério da Saúde

A prefeitura de Quixadá informa aos usuários do PROGRAMA FARMÁCIA POPULAR DO BRASIL, criado em 2004, através da Lei nº 10.858, no governo do Presidente Lula, que a partir desta sexta feira, 30/06/2017, as ATIVIDADES SERÃO ENCERRADAS POR DETERMINAÇÃO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE, através do ofício 523/2017/PFPB/CGAFB/DAF/SCTIES/MS, enviado à secretaria municipal de saúde de Quixadá dia 14/06/2017.

O programa contava em suas unidades próprias com um elenco de 112 medicamentos, os quais são dispensados pelo seu valor de custo, representando uma redução de até 90% do valor de mercado. A condição para a aquisição dos medicamentos que estavam disponíveis nas unidades era a apresentação de documento com foto, no qual conste seu CPF, juntamente com uma receita médica. Entre os medicamentos muitos referentes a diabetes e hipertensão.

Destacamos que a prefeitura municipal é totalmente contrária a essa medida e reforça que a mesma traz prejuízos imensuráveis a população mais pobre, usuária direta do serviço. Essa ação do governo federal fragiliza ainda mais o sistema único de saúde.

A prefeitura reafirma que o programa em Quixadá já se encontrava com problemas gritantes e estava totalmente destoante com as normativas nacionais, pelo descaso da gestão anterior. O esforço nesse período foi de garantir a reestruturação e fortalecimento do programa.

A decisão e orientação do ministério serão acatadas e na sexta – feira as atividades da farmácia popular serão encerradas, infelizmente.

Fonte da imagem: www.jornaldaparaiba.com.br / www.senadorhumbertocosta.com.br

Gostou? Compartilhe:

Acesso Rápido

Final de página