Topo
Prefeitura Municipal de Quixadá
TAMANHO DA FONTE: A+ A A-
Contraste

Notícias

Conferência proporciona discussão sobre políticas públicas de atenção à saúde das mulheres

A Prefeitura de Quixadá por intermédio das Secretarias de Saúde; Educação e Desenvolvimento Social, realizou por toda a terça-feira, 16, no Auditório da Universidade Católica Rainha do Sertão, a I Conferência de Saúde da Mulher.

O evento proporcionou aos representantes da cidade e do campo, momentos de discussões sobre a implementação de novas políticas públicas de atenção à saúde das mulheres de maneira integral, e o resgate de ações e projetos que contemplam a política municipal de equidade de gênero.

A secretária de Saúde, Juliana Câmara, enfatiza que a cidade de Quixadá sempre foi pioneira nas discussões e que o município levará a nível estadual e nacional todas as experiências positivas já vivenciadas, como também apresentará um conjunto de novas ações estratégicas, eficientes e eficazes para a saúde da mulher.

Para a conferencista, deputada Estadual Rachel Marques, não há como pensar em uma sociedade justa e igualitária sem que haja o respeito e a igualdade de oportunidades entre homens e mulheres. A deputada reforçou que o Brasil teve importantes avanços nos governos de Lula e Dilma e citou a efetivação da Lei Maria da Penha e o fortalecimento da participação popular nas decisões do governo. Rachel Marques criticou medidas do atual governo federal como a Reforma da Previdência, que retira direitos das mulheres.

O prefeito de Quixadá, Ilário Marques, expôs uma contextualização de fatos relevantes da história nacional e mundial, e trouxe as discussões para o âmbito municipal dando ênfase as conquistas asseguradas em suas gestões, a exemplo do Centro de Referência da Mulher que será reativado e a implantação da equidade de salário entre homens e mulheres.

Ilário Marques disse que o município voltará a dar exemplos, para isso é necessário usar a criatividade e destinar os recursos de forma correta. “O mais importante é o cuidar bem das pessoas e a gestão municipal vem discutindo diretrizes para a implantação de políticas inovadoras em três seguimentos de forma especial, as crianças, jovens e as mulheres”, ressaltou.

Dentre os oradores estavam ainda à secretária de Desenvolvimento Social, Rosa Buriti; secretária de Educação, Josênia França; Juíza Titular da 2ª Vara da Comarca de Quixadá, Dra. Ana Claudia Melo; coordenador da 8ª CERES, Wellington Xavier; presidenta do SINDSEP, Neiva Esteves; vereadora Jessica Severo, representante da Confetam/CUT, professora Vilani Oliveira; e os representantes dos conselhos municipal e estadual de saúde.

A 1ª Conferência Estadual de Saúde das Mulheres será em Fortaleza, nos dias 28 e 29 de junho de 2017.

Gostou? Compartilhe:

Acesso Rápido

Final de página