Topo
Prefeitura Municipal de Quixadá
TAMANHO DA FONTE:
A+ A A-
Acessibilidade Contraste

Notícias

Campeonato de Free Fire em Quixadá se consolida como mais um evento da agenda dos esportes eletrônicos

A agenda de atividades envolvendo jogos digitais ganhou um novo momento na cidade de Quixadá. Para além dos Jogos Digitais da Juventude que este ano chegará a sua terceira edição, uma nova modalidade ganhou destaque no cenário regional, a competição de Free Fire.

Nos dias 29 e 30 de junho e 1º de julho, 304 jogadores divididos em 72 equipes de Quixadá, Morada Nova, Quixeramobim, Choró e Boa Viagem, se concentraram no Centro Cultural Rachel de Queiroz. A Praça da Cultura estava decorada com cenário que recria o ambiente virtual do jogo, no telão era possível acompanhar as competições.

Apesar de um problema técnico com o acesso simultâneo dos jogadores à rede de internet, o campeonato não foi prejudicado e em acordo com os jogadores, as disputados aconteceram de vários lugares da cidade, inclusive as residências dos atletas.

O secretário de Esporte e Juventude da Prefeitura de Quixadá, Audênio Moraes, reforçou a importância do evento. “Percebendo que grande parte da nossa juventude joga o Free Fire, a nossa coordenação de juventude pensou em reunir todos em um único evento, primeiro para passar a mensagem do fortalecimento da amizade, segundo para promover interação e o sentimento de confraternização”, comentou Audênio ao ressaltar também o papel social do evento que arrecadou centenas de pacotes de leite em pó para entidades filantrópicas.

O coordenador de Juventude, Carlos Clayton, que mobilizou voluntários e uma força tarefa para a realização da iniciativa, destacou que ações com essa dinâmica fortalecem o direito à cidade. “Quando trazemos centenas de jovens para a praça, para estarem juntos, dialogando, fortalecendo vínculos e usando o espaço público, estamos efetivando o principio basilar do direito à cidade.”

O prefeito Ilário Marques, um apaixonado por projetos que ampliem direitos da juventude, mas acima de tudo, que estimule o desenvolvimento e capacidades, reafirmou o compromisso da gestão municipal com os jovens. “Assim, como o Free Fire, os jogos digitais, o encontro de fanfarras, o JUVCARD e tantas outras iniciativas para a juventude, continuaremos firmes na defesa desses e de muitos outros direitos para essa geração.”

A equipe campeã foi a “1S Winner”, a bicampeã ficou com a equipe “Vem Tranquilo” e a equipe “Alfa” garantiu o terceiro lugar na competição, com prêmios de Mil Reais, Oitocentos Reais e Quinhentos Reais, respectivamente.

 

Gostou? Compartilhe:

Acesso Rápido

Final de página