Topo
Prefeitura Municipal de Quixadá
TAMANHO DA FONTE: A+ A A-
Contraste

Notícias

26ª edição da Jornada Quixadaense de Saúde Mental e Cidadania fortalece a construção de políticas públicas psicossociais

Desde sua fundação, em 1993, o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Quixadá, idealiza a Jornada de Saúde Mental. O evento, que em 2018 chegou a sua 26ª edição, promovido entre os dias 18 e 20 de setembro, ultrapassou duas décadas construindo diálogos que contribuem de forma efetiva com o fortalecimento das políticas públicas de saúde e na implantação de melhorias na rede de atenção psicossocial. Nestes anos, grandes atrações e nomes da psicologia brasileira vieram à Terra dos Monólitos, como Dr. Pedro Delgado Machado, Dr. Edmar Oliveira, Academia Trieste, entre outros.

Além do prefeito João Paulo, a secretária de Saúde, Raquel Gomes e técnicos da área de saúde mental, a abertura do evento, ocorrida na noite desta terça-feira,18, no Memorial Cego Aderaldo, contou com a conferência “Análise crítica da construção do conhecimento em saúde mental”, com a psicanalista da UFSCAR-SP, Tais Bleicher.

Já no dia seguinte, 19, na Faculdade CISNE, aconteceu a conferência com o tema da jornada: “Reforma psiquiátrica, sertão e luta”, que teve como conferencista o reitor da Universidade Estadual do Ceará, professor Jackson Sampaio. Às 16h, atenção psicossocial: “Uma invenção ética e epistêmica, na contra mão do neoliberalismo” foi tema de mais uma conferência ministrada pelo psicanalista da Universidade Estadual do Ceará (UERJ), Luciano Elia.

A programação seguiu até a quinta-feira, 20, com palestra, mesa redonda, certificação e premiação dos trabalhos científicos.

Gostou? Compartilhe:

Acesso Rápido

Final de página